#23 - A União Ibérica e as Américas

14/07/2021

Em 1578, na batalha de Alcácer-Quibir, o rei de Portugal desapareceu. A morte de D. Sebastião gerou uma grave crise sucessória no trono português. Entre os pretendentes estava o rei da Espanha, Felipe II, que passou a controlar Portugal e seus territórios no que ficou conhecido como a União Ibérica.

Entender esse período ainda é um desafio. Como se deu essa União? Como era a relação entre os dois reinos? De que forma conceitos como o de império, reino e colônia permitem compreender as complexas relações existentes no período? Quais foram os impactos dessa união dinástica nos territórios americanos? Para responder essas e outras questões, entrevistamos José Carlos Vilardaga, professor de História da América na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

O episódio já está disponível nas principais plataformas de podcast e também em nosso canal no YouTube. Esperamos que gostem do programa e deixem suas opiniões, sugestões e críticas! Também não esqueçam de nos seguir em nossas redes sociais.




Dicas do programa Hora Americana e links

Site "Brasilhis Database: redes personales y circulación en Brasil durante la Monarquía Hispánica, 1580-1640

Livro "La Argentina", de Martín del Barco Centenera (1602)Livro "O tempo dos Filipes em Portugal e no Brasil (1580-1668): Estudos históricos", de Joaquim Veríssimo Serrão (1994)

Livro "Portugal no tempo dos Filipes: política, cultura, representações (1580-1668)", de Fernando J. Bouza Alvarez (2000)

Livro "Portugal y la monarquía hispánica, 1580-1668", de Rafael Valladares Ramírez (2000)

Livro "O Brasil na Monarquia Hispânica: novas interpretações", de José Manuel Santos Pérez e Ana Paula Torres Megiani (orgs.) (2014)

Livro "Cristãos-novos nos negócios da Capitania de Pernambuco: relacionamentos, continuidades e rupturas nas redes de comércio entre os anos de 1580 e 1630", de Janaína Guimarães da Fonseca e Silva (2012)

Livro "Na Trama das Redes. Política e negócios no império português. Séculos XVI-XVIII", de João Fragoso e Maria de Fátima Gouvêa (orgs.) (2010)

Livro "O Domínio Espanhol no Brasil Durante a Monarquia dos Felipes (1580-1640)", de Roseli Santaella Stella (2000)

Livro "As vésperas do Leviathan: Instituições e poder político - Portugal, Séc. XVII", de António Manuel Hespanha (1986)

Livro "El Brasil restituido", de Lope de Vega y Carpio (1625)


Conheça nosso entrevistado

José Carlos Vilardaga é Professor da área de História da América na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Campus Guarulhos. Bacharel e Licenciado em História pela Universidade de São Paulo (USP), fez Mestrado (1998-2002) e Doutorado (2006-2011) em História Social pela mesma universidade (FFLCH-USP). Possui experiência docente em ensino fundamental, médio e superior, tendo, neste último, trabalhado em universidades públicas e privadas, como UNISA, UFOP, PUCCAMP e UEL.

O professor é especialista em impérios coloniais ibéricos durante o período moderno, com especial ênfase nas conexões luso-castelhanas na América Meridional entre os séculos XVI e XVII. É o autor dos livros "Lastros de viagem: expectativas, projeções e descobertas portuguesas no Índico (1498-1554)" (Annablume, 2010) e "São Paulo no império dos Felipes: conexões na América Meridional (1580-1640)" (Intermeios, 2014).